MARANHÃO EM OBRAS

MARANHÃO EM OBRAS

sábado, 24 de junho de 2017

Governador Flávio Dino participa da posse da diretoria da Fiema e do Sinduscon

A nova diretoria da Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (Fiema) e do Sindicato das Indústrias da Construção Civil do Estado do Maranhão (Sinduscon-MA), tomou posse na noite da última sexta-feira(23). A solenidade foi realizada no auditório Alberto Abdalla, no próprio prédio da Fiema, na Cohama. Na ocasião, assumiram o comando para o quadriênio 2017/2021 os presidentes Edilson Baldez das Neves e Fabio Nahuz, reeleitos por unanimidade, respectivamente, pela Fiema e Sinduscon. Também tomaram posse os diretores das entidades, delegados, conselheiros fiscais e consultivos. O evento contou com a participação do governador do Maranhão, Flávio Dino, e do prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior.

O chefe do Executivo maranhense saudou aos amigos empossados, como os classificou, e desejou boa sorte aos novos dirigentes, lembrando da forte e eficiente atuação do governo para que as instituições continuem operando de forma positiva nesse período de crise que o Brasil atravessa.  

“Em tempos em que a palavra crise é uma das mais pronunciada e marcada no nosso país, o nosso governo se destaca em diversos setores, e um deles é credibilidade, no qual a Federação das Indústria do Rio de Janeiro fez um levantamento nacional acerca da saúde financeira e fiscal de todos os estados da federação, onde reconheceu que o nosso estado é o segundo com maior eficiência de administração das finanças públicas”, declarou Flávio Dino.

Em meio à crise econômica e política brasileira, o governador falou ainda do empenho em honrar os compromissos financeiros, o que vem dando o destaque para o Maranhão no cenário nacional. 

“Pagamos o décimo terceiro, e fomos o primeiro estado da federação a fazer. Vamos pagar o mês de junho no dia 27, enquanto muitos estados estão pagando o mês de abril. E qual é a consequência disso para os empresários de outros estados? A dizimação do setor de comércio e serviços. Fornecedores em pânico. Já o nosso estado está enfrentando e evitando que esse caos chegue ao Maranhão”, reforçou Flávio Dino.

O presidente da Fiema, Edilson Baldez, reconduzido pela terceira vez ao cargo, iniciou o seu discurso com a apresentação de um vídeo da ‘Oração da Família’, repetindo o ato realizado em sua primeira posse, em 2009. Após o a apresentação do vídeo, ele falou um pouco do cenário nacional em que a indústria vem inserida. 

“O momento confuso exige a rápida recuperação dos valores morais e éticos que estão sendo deixados de lado. Princípios que são o esteio e a base de sustentação de qualquer nação civilizada. É preciso dar um basta nessa nódoa que atrasa o Brasil e que envergonha os brasileiros. O setor industrial representa perto de 20% do PIB nacional e é o segmento que paga os melhores salários aos trabalhadores. Por isso, para sermos competitivos precisamos também de serenidade e estabilidade. É nossa obrigação como presidente de entidade representativa da classe produtora industrial maranhense, promover e defender ações para aprimorar a competitividade e o desenvolvimento da indústria”, destacou Edilson Baldez.

Encerrando seu discurso, o presidente da Fiema agradeceu a dedicação da diretoria anterior e reforçou o foco da nova diretoria da Fiema em ações proativas a favor do progresso industrial maranhense. “Pois somente assim poderemos acionar projetos e programas que marquem a diferença”, disse.

Já o presidente do Sinduscon, Fábio Nahuz, que está em seu segundo mandato, deu o tom do discurso citando as metas a serem cumpridas no próximo quadriênio. 

“Nossa meta é continuar garantindo a defesa dos interesses do segmento empresarial, além de fortalecer a parceria entre o Sinduscon, os órgãos públicos e a classe empresarial da construção civil, buscando soluções nos debates e discussões de assuntos importantes para o Maranhão e contribuindo para o desenvolvimento econômico e social do Estado”, destacou Fábio Nahuz.  

Portal de Negócios

Na oportunidade, ocorreu a apresentação do novo presidente do Conselho Gestor do Programa de Desenvolvimento de Fornecedores (PDF) da Fiema e o lançamento do Portal de Negócios do Programa.

“Sinto-me extremamente orgulhoso e gratificado pelas inúmeras ações que desenvolvemos no PDF nos últimos dois anos em que a Cemar esteve na presidência do Conselho Gestor do PDF, entre as quais destacamos 216 novos fornecedores, assinatura do convênio com o Governo do Estado, 29 empresas certificadas no Procem, aperfeiçoamento da comunicação visual do programa, consolidação das parcerias com o IEL, Senai, Sebrae, muitas rodadas de negócio”, destacou Carlos Afonso Araújo Melo, representante da Cemar, que esteve na presidência do Conselho Gestor do PDF, nos últimos 2 anos, e  apresentou o supervisor de Compras da Alumar, Marcus Cardoso, como novo gestor do Conselho Gestor.

“O PDF tem um DNA inovador, a cada ano, a cada gestão, a busca por melhorias tem sido uma prática constante, sempre direcionando os esforços para o desenvolvimento do fornecedor maranhense. A gestão do Carlos Afonso, dentre as diversas realizações, se encerra com o lançamento do nosso portal de negócios, que foi cuidadosamente pensado e construído nos últimos meses e que será a base para a gestão de 2017/2018”, garantiu Marcus Cardoso, o novo presidente do Conselho Gestor do PDF.

A solenidade foi encerrada com a participação cultural da Orquestra Filarmônica Edilson Baldez, composta por alunos da unidade do Serviço Social da Indústria (Sesi) de Bacabal-MA, fundada em 2012, e de um coquetel, servido aos convidados no Salão de Eventos da Casa da Indústria. O evento contou ainda com a apresentação da banda do 24º Batalhão de Infantaria Leve do Exército Brasileiro (24º BIL) que recepcionou os convidados no hall de entrada do Auditório Alberto Abdalla.

Nenhum comentário: