sexta-feira, 30 de novembro de 2018

Ambev testa produção de cerveja a partir de mandioca produzida no Maranhão

Agricultores familiares de Magalhães de Almeida entregaram nesta semana 30 toneladas de mandioca colhidas de sua propriedade com destino à cidade de Araripina, em Pernambuco, localidade onde reside um dos reservatórios da companhia de capital aberto brasileira, Ambev. A colheita foi feita nas áreas de produção da Cooperativa dos Produtores Rurais dos Tabuleiros do São Bernardo.
Na propriedade, os agricultores recebem o apoio dos técnicos da Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural do Maranhão (Agerp/MA), que auxiliam na garantia da qualidade da produção local. A mandioca está passando por testes e, caso a cervejaria aprove, deverá comprar mais toneladas do Maranhão. A atividade está ligada ao acordo mantido entre a Cooperativa e a Ambev na fabricação da cerveja “Nossa”, vendida somente em Pernambuco.
O Governo do Maranhão recentemente firmou parceria com a Ambev para a ampliação dos investimentos no Estado. O diálogo com grandes empresas visa dar prosseguimento a estratégia econômica do Governo baseada em investimentos públicos – a exemplo de programas como Mais Asfalto e Escola Digna – e privados.
Perímetro Irrigado Tabuleiros de São Bernardo
Criado há 30 anos com o objetivo de gerar produção de fruticultura irrigada, tirar famílias da pobreza e combater a seca, o projeto Perímetro Irrigado ‘Tabuleiros de São Bernardo’ foi abandonado, tendo sido retomado na gestão atual para desenvolver a agricultura familiar do Maranhão. São 78 famílias associadas e beneficiadas pelo projeto.

quinta-feira, 29 de novembro de 2018

Há mazelas no SUS que precisam ser resolvidas, diz Raquel Dodge

Em seminário promovido pelo Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP), a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, disse hoje (29) que a judicialização da saúde é tema desafiante, que assumiu grande relevo dentro do sistema de administração de Justiça e exige diálogo entre vários órgãos governamentais. “Se há um assunto que interessa, preocupa e é priorizado pelos brasileiros há muitas décadas é exatamente a dificuldade de acesso à saúde”, avaliou.
Dodge se declarou defensora do Sistema Único de Saúde (SUS), mas destacou que há “mazelas” que precisam ser resolvidas. Segundo ela, trata-se de um sistema de ampla cobertura, mas com dificuldades na acessibilidade, na cobertura e na qualidade dos serviços prestados.
“Ao contrário do que se esperava – que houvesse uma política publica de saúde no país desenhada de modo a evitar a judicialização – isso acabou não acontecendo. O fenômeno da judicialização precisa ser examinado em relação a suas causas, aos problemas que tornam essa realidade hoje tão visível no âmbito do nosso sistema.”
“O que se espera é que a política pública seja eficiente a ponto de dispensar a judicialização desses temas e da necessidade de implementação dos direitos”, disse. “As mazelas têm sido reclamadas com razão pela população que, desassistida no momento em que necessita, precisa recorrer ao Judiciário”, completou, ao citar a falta de medicamentos e de assistência especializada na rede pública.
Para a procuradora-geral, a intervenção judicial, ainda que necessária em casos específicos, pode ter um efeito “maléfico”, que é atender a alguns, mas inibir a cobertura de vários. “Talvez a excessiva judicialização coloque o gestor numa situação de inércia, de aguardar ser demandado, já que o Ministério Público e o Judiciário vão interferir mesmo, ao invés de termos um diálogo e uma atitude que promova a qualidade da política pública”.
Prioridade
Ainda durante o encontro, Dodge defendeu que o Poder Judiciário passe a priorizar a tramitação de ações judiciais que tratam da saúde. “A demanda por um serviço de saúde, um medicamento ou uma cirurgia é uma demanda sempre urgente. Esse urgente vem da necessidade do autor da demanda. Não é uma necessidade que ele cria ou uma urgência que ele artificialmente apresenta ao Judiciário. Mas é a urgência da vida, a urgência da saúde”. (ABr)

TSE confirma inelegibilidade de Sérgio Frota; votos devem ser anulados

Por maioria de votos, o Plenário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu que Sérgio Barbosa Frota (PR), atual deputado estadual pelo Maranhão, está inelegível por irregularidades praticadas durante a campanha de 2014.
O parlamentar só havia conseguido concorrer na eleição de 2018 por força de uma liminar, mas acabou ficando na suplência. Com essa decisão, o registro de candidatura dele foi indeferido e os votos devem ser anulados.
A decisão do TSE ocorreu na sessão de julgamentos desta quinta-feira (29), após o voto-vista do ministro Edson Fachin, que apresentou a tese vencedora. Sérgio Frota havia recebido votos suficientes para ocupar o cargo de suplente na próxima legislatura.
Ao votar pela inelegibilidade do candidato, o ministro Fachin destacou que 17% dos valores arrecadados em sua campanha em 2014 tiveram origem ilegal. Um total de R$ 75 mil foi doado pela empresa S.B. Frota Terraplanagem e Máquinas Ltda, de propriedade do próprio candidato e destinatário da doação. O valor supera o previsto na legislação eleitoral, que permitia, em 2014, a doação de empresas até o montante de 2% do faturamento bruto arrecadado no anterior ao pleito. A empresa do candidato, segundo os autos, teve faturamento zerado em 2013.
“Ele se valeu de pessoa jurídica para realizar doação espúria de elevado valor financeiro para sua campanha eleitoral de 2014 e, agora, quer conseguir o registro de candidatura em 2018”, observou o magistrado, ao negar o recurso do atual deputado. Para Fachin, tal conduta desrespeitou também o parágrafo 9º do artigo 14 da Constituição Federal, que zela pela normalidade das eleições.
Seu voto foi acompanhado pelos ministros Og Fernandes, Marco Aurélio Mello, Admar Gonzaga e pela presidente da Corte, ministra Rosa Weber, que condenou a conduta do candidato. “É de se reconhecer que os contornos em que efetivada a doação, seja pela expressividade do seu valor, seja pela tentativa, que eu reputo espúria, do sócio administrador se valer de pessoa jurídica para alavancar sua campanha, informando em contrapartida faturamento bruto zerado no ano anterior à eleição, evidenciam a gravidade da conduta e, por isso, obstam  a candidatura na espécie”.
Voto do relator
O processo foi relatado no TSE pelo ministro Tarcisio Vieira de Carvalho Neto, que já havia apresentado seu voto no dia 13 de novembro. Na ocasião, ele seguiu a jurisprudência do TSE, no sentido de que a inelegibilidade só fica caracterizada quando o valor doado compromete o resultado das eleições. Por considerar que a regra não se aplicava ao caso, ele votou pela concessão do registro de candidatura de Sérgio Frota.
Na sessão desta quinta, o ministro Tarcisio acrescentou também que o candidato chegou a responder a uma representação sobre a doação ilegal, cuja multa foi fixada no patamar mínimo. Para o relator, o fato de a doação ter origem em empresa familiar diminuiria o risco de o candidato ficar em dívida com quem quer que fosse. Por fim, o magistrado acrescentou que o candidato não chegou a responder por irregularidades com base no artigo 30-A da Lei das Eleições, que investiga irregularidades em arrecadação e gastos ilegais. No Plenário, o voto do relator foi acompanhado apenas pelo ministro Jorge Mussi.

Tema vai a Brasília organizar encontro com a equipe do governo Bolsonaro

Com a presença de vários prefeitos de diversas regiões do Maranhão, o presidente Cleomar Tema, juntamente com os membros da diretoria Miltinho Aragão, Erlânio Xavier e Valmira Miranda conduziram os trabalhos para a elaboração da pauta de reinvindicações a ser apresentada ao futuro chefe da casa civil da Presidência da República, Onix Lorezonni.
A reunião foi articulada pelo presidente da entidade na sua última ida a Brasília, quando participou ativamente das articulações para aprovação de mais 1% do FPM, mudança na lei de licitações e alterações na gestão fiscal.
Além do presidente Tema, mais dez prefeitos farão parte da comitiva que irá a Brasília para discutir as demandas dos municípios com a equipe de transição do futuro governo Bolsonaro. A escolha dos membros levou em consideração os prefeitos presentes na reunião, como também, o critério regional.
“Tema sempre se destacou em manter um bom relacionamento com os Governos Estaduais e Federais quando presidiu a FAMEM, e assim vem mantendo. E mais uma vez se adianta, e nos levará para discutir as problemáticas dos municípios maranhenses com a equipe de transição do presidente recém-eleito Jair Bolsonaro, comandada pelo futuro chefe da Casa Civil da Presidência da República, Onix Lorenzoni. Esperamos ter bons resultados nessa reunião, e desde já, esperar que o presidente Bolsonaro coloque as nossas reinvindicações como prioridade do seu governo”, diz a prefeita de Colinas Valmira Miranda.
Dentre os assuntos discutidos pelos gestores estão questões voltadas para a educação, saúde, quedas nos repasses do FPM(Fundo de Participação dos Municípios) diante de benefícios fiscais dados pela União, além das problemáticas dos municípios para o cumprimento da política dos resíduos sólidos e dos abatedouros públicos.
Na educação, foi proposto um parcelamento administrativo dos precatórios do antigo Fundef (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério), via Advocacia Geral da União (AGU), para que todas as cidades possam receber sem que tenham perdas significativas; além de solicitar ao presidente eleito que implante o CAQi. (Custo Aluno Qualidade inicial).
Na saúde, as demandas são para que a União reveja o valor per capita oferecido ao Maranhão para o custeio das despesas no setor; correção dos valores repassados aos municípios na média e alta complexidade; bem como o TFD (Tratamento Fora de Domicílio). A sugestão a ser apresentada é que tenha uma equiparação no TFD, principalmente nos atendimentos de hemodiálise.
Já com relação aos aterros sanitários e os abatedouros municipais, a FAMEM apresentará as dificuldades que os pequenos e médios municípios enfrentam pra o cumprimento da legislação vigente diante da falta de recursos direcionados para estas áreas. E assim, os prefeitos esperam que possam encontrar uma saída conjunta para o equacionamento da exigência.
“Criamos uma pauta municipalista para apresentar a equipe de transição do futuro governo Bolsonaro. A pauta abrange as principais áreas que tem sufocado os governos municipais e que tem comprometido as nossas finanças. Esperamos contar com a sensibilidade do presidente recém-eleito, visto que o nosso Estado possui a segunda menor per capita do Brasil para o custeio das despesas com saúde e os recursos da educação tem se tornando insuficiente diante do descumprimento da implantação do CAQi pelo Governo Federal, e que já devia ter sido feito desde o ano de 2016”, destacou o presidente da entidade, Cleomar Tema.
Ao fim da reunião, Tema dirigiu-se a Brasília para discutir a data e o local do encontro, assim como informar o nome dos prefeitos que farão parte da comitiva que o auxiliará na discussão da pauta.

De Pinheiro : Quadrilha acusada de roubo dos correios de Cururupu é presa pela Polícia Militar


A Polícia Militar do Maranhão na última quarta-feira (28), prendeu alguns criminosos que praticaram um roubo à agência dos Correios de Cururupu. As forças policiais da cidade iniciaram as investigações ao tomar conhecimento dos fatos conseguindo prender logo em seguida dois criminosos que prestavam auxílio aos autores, identificados como Júlio César Martins Costa e Rafael Pinheiro.
As diligência não cessaram e já por volta das 5 hrs desta quinta-feira (29) o resto do bando foi localizado e preso em flagrante. Foram presos Rogério Pinheiro, Gilson Carlos Martins, Gilson Carlos Raiol Corrêa e Mailson Ribeiro Dias.
Com a quadrilha, que é originada da cidade de Pinheiro, foi apreendida armas de fogo e o dinheiro subtraído dos Correios e dos clientes.
O Subcomandante do Batalhão de Polícia Militar de Cururupu destacou a importância do trabalho realizado: “A polícia trabalhou sem parar até localizar os criminosos, descobrimos que essa quadrilha é de Pinheiro e estava tentado se firmar na nossa região, contudo, mostramos para os criminosos que em Cururupu não irão se fixar”, afirmou o Tenente Breno Marques.
Mais uma vez com o trabalho incessante das forças policiais que contou inclusive com o apoio do setor de inteligência da Secretaria de Segurança conseguiu-se em poucas horas identificar e prender toda a quadrilha responsável pelo crime. Vale esclarecer que somente esse ano vários outros roubos foram registrados na mesma agência em Cururupu.



quarta-feira, 28 de novembro de 2018

É O FUTI: Dutra vence por unanimidade ação no TRE…

Encerrado há pouco no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) o julgamento do processo da Ação de Investigação Judicial Eleitoral que buscava a cassação da chapa do prefeito Domingos Dutra (PCdoB) e da vice Maria Paula Azevedo (SD).
Por unanimidade, o pleno do TRE maranhense seguiu o voto do relator e deu o resultado de 6 x 0 pela permanência de Domingos Dutra no mandato de prefeito de Paço do Lumiar.
“Quiseram tirar o mandato no tapetão, armando um golpe, mas a democracia prevaleceu. Quem quiser ser prefeito de Paço do Lumiar que coloque seu nome para a disputa em 2020”, afirmou Dutra ao final do julgamento.
A ação foi movida pela coligação derrotada em Paço do Lumiar “Vontade de Todos”, que teve como candidato o ex-prefeito Gilberto Aroso.
Ele acusava o prefeito eleito em 2016, Domingos Dutra, de suposto abuso de poder econômico e político.
Outro processo com o mesmo teor, apresentado pelo ex-prefeito Josemar Sobreiro, já havia sido julgado e considerado improcedente no ano passado.

Assalto em Bacabal rendeu R$ 100 milhões aos criminosos…

Abordada por policial, uma das moradoras de Bacabal é obrigada a devolver dinheiro que havia escondido na roupa

Algo em torno de R$ 4 milhões foram deixados de propósito pelos bandidos espalhados dentro e fora do banco, envolvendo a população e confundindo a polícia, que ainda não tem notícias dos assaltantes

Foi estrategicamente planejada a ação da quadrilha que explodiu uma agência do Banco do Brasil em Bacabal, na noite do último domingo, 25.
Sabendo exatamente o que queriam os bandidos arrombaram com maçarico os cofres onde estavam cerca de R$ 100 milhões, embora o secretário Jefferson Portela diga ser especulação este valor.
Do total, cerca de R$ 4 milhões foram espalhados pela agência e até na rua, despertando a cobiça da população e confundindo a polícia. 
Do total deixado estrategicamente para trás, a polícia conseguiu recuperar cerca de R$ 3 milhões, mas sabe que ainda há quase R$ 1 milhão escondidos em Bacabal.
Com os bandidos, sumiram mais de R$ 90 milhões.
O maior assalto a banco já realizado no Maranhão mostrou a fragilidade do Sistema de Inteligência da Secretaria de Segurança Pública do Maranhão.
Parte do dinheiro deixado pelos ladrões espalhados próximo ao banco atraiu a população e atrapalhou a ação policial
Até pela sofisticação da operação – realizada em plena noite de domingo, às vésperas de pagamentos de servidores públicos estaduais e de várias prefeituras – tudo indica que os bandidos vinham há meses estudando a rotina policial e bancária em Bacabal, que serve de polo financeiro para a região.
Nestes casos – pelo que se vê em enredo de filmes – até a baixa de alguns bandidos entra no planejamento, como, de fato, ocorreu em Bacabal.
A polícia maranhense acusa o Banco do Brasil de favorecer a operação criminosa ao não informar a movimentação atípica da quantia milionária na região.
O banco, por sua vez, diz apenas que está colaborando com as investigações.
E até agora nem sinal dos criminosos e da maior parte da fortuna roubada…

Governo autoriza parcelamento de IPVA atrasado

O Governo do Maranhão autorizou o parcelamento de débitos em atraso de IPVA e do Imposto sobre Transmissão Causa Mortis e Doação de Quaisquer Bens ou Direitos (ITCD).
O governador Flávio Dino (PCdoB) já editou um decreto autorizando o parcelamento.
“Estou editando agora duas medidas autorizando parcelamento de IPVA e ITCD atrasados, bem como descontos nas multas e juros respectivos. O Programa vai até o dia 28 de dezembro”, anunciou o governador.
O decreto autoriza ainda, descontos de multas e juros.

PINHEIRO: PREFEITO LUCIANO GENÉSIO LANÇA EDITAL PARA SELETIVO DE AGENTES COMUNITÁRIOS DE SAÚDE.

A Prefeitura Municipal de Pinheiro- MA, por meio da secretaria Municipal de Saúde, publicou na tarde da última terça-feira,  (27), o edital n° 001.2018 para o Processo Seletivo de Agentes Comunitários de Saúde. 
 Essa é mais uma conquista da Prefeitura de Pinheiro em prol da população  e na busca de demonstrar total lisura e principalmente, legalidade. Uma conquista de todos”, disse o Prefeito Luciano Genésio em entrevista ao blog.

A execução do seletivo será de responsabilidade da Fundação Sousândrade de Apoio ao Desenvolvimento da UFMA – FSADU, entidade idônea visando dar maior credibilidade ao seletivo. As  inscrições poderão ser feitas através dos sites www.fsadu.org.br ou www.sousaandrade.com.br. Será cobrado um valor de R$ 60,00 pela inscrição no seletivo.
As provas deste processo serão realizadas na cidade de Pinheiro no dia 20 de janeiro de 2019.

terça-feira, 27 de novembro de 2018

Polícia recupera R$ 3 milhões após combater quadrilha interestadual que assaltou agência bancária em Bacabal


A polícia recuperou até agora cerca de R$ 3 milhões que estavam num prédio atacado em Bacabal por uma quadrilha de criminosos de outros Estados. O alvo dos bandidos foi um prédio do Banco do Brasil. A busca pelos fugitivos continua.

Durante a ofensiva dos criminosos, a Polícia Militar reagiu – com armamentos que incluíam fuzis – e conseguiu expulsar a quadrilha do município.

Três suspeitos morreram no confronto com os policiais. Duas pessoas estão presas sob suspeita de ligação com o roubo.
O secretário de Segurança Pública do Maranhão, Jefferson Portela, diz que nenhuma das agências bancárias de Bacabal foi atingida por explosões. O alvo foi um setor do Banco do Brasil que faz coleta de dinheiro.

De acordo com Portela, a instituição ainda não disse qual o valor levado pela quadrilha.

Após a ofensiva dos criminosos, moradores entraram no prédio para tentar pegar as cédulas de dinheiro que ficaram no chão. “Recuperamos R$ 3 milhões de gente que não estava envolvida com a ação”, diz o secretário. Sete pessoas foram presas nessa condição. Outros R$ 200 mil foram encontrados nesta segunda-feira com mais moradores.

Cerco
Jefferson Portela
Portela frisou que diversos efetivos foram deslocados para Bacabal, incluindo forças especiais de São Luís: “Fizemos um imenso cerco, que teve por base as cidades de Itapecuru, Vargem Grande, Coroatá, Caixas e o entorno de Bacabal”.

“Avançamos muito hoje no que se refere aos dados de envolvidos com essas ações”, contou o secretário. Parte da quadrilha é da Bahia e do Tocantins.

“Vamos providenciar o alcance da lei penal para todos os envolvidos. Garanto que vamos prender todos os envolvidos, como fizemos em 100% dos casos. Somos o único Estado do Brasil a ter 100% de resolução de assaltos a bancos e 100% dos envolvidos capturados. Vamos identificar e prender todos os envolvidos”, disse Portela.

Flávio Dino condena ataques de ‘alguns desinformados’ contra a Segurança Pública

Por Flávio Dino

Alguns desinformados, ou movidos por ódio ideológico, estão atacando a Segurança Pública no Maranhão. Informo que tivemos, no nosso Governo, grande REDUÇÃO de assaltos a bancos e de crimes letais. São Luís era uma das 50 cidades mais violentas do mundo e SAIU dessa lista.

Ridículo transformarem um episódio, infelizmente ainda comum no nosso país, em narrativa do “ódio ao comunismo”. Coisa sem noção. Basta perguntar o óbvio: em qual estado brasileiro não há assaltos a banco?

Houve uma investida de uma quadrilha interestadual contra o Banco do Brasil. A Polícia enfrentou e está enfrentando, com bravura e adequadamente equipada. Tanto que houve prisões e 3 assaltantes morreram. Seguiremos investindo ao máximo possível, como temos feito.

LINCHADO: Por roubar bicicleta jovem é empancado até a morte na Paraiba


Pessoas fazem justiça com as próprias mãos, quando um jovem foi pego supostamente por ter roubado uma bicicleta, foi espancado até a morte, em uma zona dominada pelo tráfico de drogas na cidade de Sapé, no Brejo da Paraíba. O fato aconteceu na manhã do último domingo (25).

O jovem chegou a ter as mãos amarradas em uma árvore, e foi espancado a pauladas até a morte por um grupo de pessoas que afirmavam que o jovem “roubou uma bicicleta nas áreas”. O grupo filmou o espancamento e publicou nas redes sociais. O vídeo viralizou, até chegar nas mãos da Polícia.

De acordo com informações do capitão Sidnei, da Polícia Militar da Paraíba (PMPB), que o jovem roubou a bicicleta, mas nem o nome nem a idade da vítima foram divulgados pela PM.

Ainda conforme apurado pela TV Correio, um grupo de 5 homens foi preso na manhã desta segunda-feira (26), por suposto envolvimento no crime. Eles confirmaram participação no espancamento do rapaz.


Medida sensata do governo em parcelar débitos do IPVA



O governador do Maranhão assinou decreto hoje em que autoriza o parcelamento dos débitos do IPVA em até 12 meses ou retira 100% de jutos e multas para quem quitar tudo de uma só vez.
Com essa medida , Flávio Dino (PCdoB) atinge dois objetivos: recuperar recursos devidos por contribuintes para aumentar a receita e enfrentar a crise que atinge estados, ao mesmo tempo que fica bem na fita com os proprietários de carros que estavam sem condições de pagar o tributo.
O governo avançou também para colaborar mais ainda com essa faixa de contribuinte, que não é pequena: aumentou para 12 meses as parcelas e aceitou livrar os juros e multas para quem pagar tudo em um só boleto.

Professora é presa pela Polícia Civil acusada de vender drogas para alunos dentro de escola no MA



A prisão foi registrada na tarde desta segunda-feira (26), em Santa Luzia do Paruá,distante 393 km de São Luis. Além da prisão da professora, um comparsa também foi preso. A professora Lucimara Sousa de Pinho Oliveira (29 anos) é acusada de comercializar drogas para alunos dentro do próprio local de trabalho ou seja, uma escola pública de Santa Luzia do Paruá. 

A Polícia Civil de Santa Luzia do Paruá vem fazendo um trabalho minucioso no combate ao tráfico de drogas na cidade. Maiores informações sobre o caso a qualquer momento. 


A SEMED ainda não emitiu nenhuma nota oficial sobre o caso que deve ganhar novos contornos nas próximas 24 horas. 

segunda-feira, 26 de novembro de 2018

“PM praticou ato de bravura ao expulsar quadrilha de Bacabal”, diz Jefferson Portela


O secretário de Segurança Pública do Maranhão, Jefferson Portela, classifica de ato de bravura a pronta reação da Polícia Militar à ação de uma quadrilha de criminosos de outros Estados em Bacabal, na noite deste domingo (25). O alvo dos bandidos foi uma agência do Banco do Brasil.

“De imediato, todos nós, a noite toda, acompanhamos nossos policiais, que são homens que praticaram atos de bravura”, diz Jefferson.

Os policiais estavam armados com fuzis e, no confronto, três suspeitos foram mortos. Até o início da manhã desta segunda-feira, dois suspeitos tinham sido presos.

“Os policiais partiram para cima, neutralizaram definitivamente três criminosos e isso deu um recado claro para eles. Viram que a força letal também estava sendo usada contra eles. Por isso essa fuga estabanada deles para todos os lados”, acrescenta o secretário.


Busca pelos fugitivos

De acordo com Portela, há informações de que veículos dos suspeitos passaram em fuga por cidades da região. Os batalhões da região estão interceptando e buscando esses suspeitos.

“Vamos buscar um por um, como já fizemos em 100% dos casos de roubo a banco. Somos o Estado que tem 300 assaltantes de banco presos e 100% dos casos elucidados com prisões ou neutralizações de bandidos”, afirma Portela.

O secretário acrescenta que “a ordem aqui no Estado do Maranhão, em nome da lei, é usar a força para defender o cidadão. Iremos buscar todos eles estejam em qualquer lugar do planeta Terra”.
Outras prisões

Após a ação da quadrilha, algumas pessoas tentaram pegar cédulas de dinheiro que ficaram espalhadas pelo chão. “Tentaram se aproveitar de uma situação de crise, criando mais problema para a polícia, que já tinha que combater os próprios assaltantes”, conta Portela.

“Nessa condição, foram sete pessoas presas, inclusive um soldado da PM do Piauí, armado no local. Ele será investigado profundamente para saber se só praticou esse ato de querer levar vantagem ou se ele fez algum trabalho prévio de cobertura para a quadrilha.”

Novo cangaço

Dos três suspeitos mortos no confronto, um é de Tocantins, um é da Bahia e um é do Maranhão. O baiano era irmão do maior chefe de quadrilha de criminosos violentos da Bahia.

“Portanto, são bandidos da Bahia associados a bandidos do Tocantins e a bandidos daqui para praticar essas ações. É uma modalidade conhecida como novo cangaço, que usa extrema violência e busca matar policiais. É uma modalidade que não vamos permitir aqui no Estado do Maranhão; e isso custará muito caro para eles”, afirma Jefferson Portela.

Ex-prefeito do Maranhão é procurado pela polícia


O ex-prefeito de João Lisboa, Francisco Alves de Holanda, é considerado foragido. O político teve prisão decretada pela 1ª Vara de Comarca de João Lisboa.
Francisco foi condenado pelos crimes de Responsabilidade e Improbidade durante sua gestão nos anos de 2001 á 2004 . O mandado de prisão foi feito há cerca de 30 dias e o ex-prefeito ainda não foi localizado pela Polícia, sendo considerado foragido.

BACABAL: Carros incendiados, BB explodido, reféns, três bandidos mortos e um jovem cidadão, na noite de terror


Bacabal amanheceu mais aliviada, mas ainda traumatizada com a noite de cão vivida ontem por seus moradores depois da invasão da cidade por bandidos fortemente armados que tocaram o pânico.
Desde às 22h de ontem, dia 25 (domingo) que os bandidos chegaram para realizar um grande e planejado assalto. Armados com fuzis, eles eram mais de 20 e logo sitiaram o 15º BPM, crivando de balas o lado externo do quartel, assim como cercaram a sede da delegacia, onde incendiaram um carro bem próximo.
Em seguida os bandidos partiram para a agência do Banco do Brasil que foi dinamitada, fizeram várias pessoas de reféns, colocando no capô dos carros usando como escudo humano para sair da cidade. Até uma gestante e um cinegrafistas ficaram reféns dos bandidos.
Tiros, muitos tiros de fuzis deixam em pânico milhares de pessoas que residem no centro. Foram três horas de intensos tiroteios. Acuados, os militares tiveram que pedir reforços para as guarnições de cidades mais próximas.
Novos confrontos levaram à morte três bandidos e um jovem cidadão que foi baleado pelos assaltantes pelas costas e veio a óbito no local. Assim que os meliantes saíram para deixar a cidade, foi a vez de vários populares fazer a festa, carregando o dinheiro que ficou pelo caminho e dentro da agência do BB.
Alguns conseguiram levar muitas cédulas nos bolsos, sacolas, cuecas, calcinhas e sutiãs, mas muitos acabaram presos por militares. Nas ruas de Bacabal, carros incendiados, principalmente na estrada e saída da cidade.
Esse foi o saldo de uma noite de cão vivida pelos moradores da cidade durante o maior e mais ousado assalto a banco na história de Bacabal.

Thaiza Hortegal se mobiliza para viabilizar a instalação de uma unidade do Iema em Pinheiro A deputada Thaiza Hortegal busca viabilizar uma unidade do Iema para o município de Pinheiro, com ensino médio em tempo integral e cursos profissionalizantes. “A cidade está sendo referência para estudantes na região por causa da diversidade de instituições de ensino superior que têm surgido, tanto públicas quanto privadas, além do crescimento econômico que vem apresentando, com a chegada de grandes empreendimentos, como foi o Mix Mateus e outros que estão por vir, e que demandarão pessoal qualificado”, explicou a parlamentar. A deputada progressista ressaltou o papel importante do Iema em outras regiões, agregando cursos profissionalizantes que viabilizam a inserção de jovens no mercado de trabalho após a conclusão do ensino médio, e a necessidade da abertura de novas vagas para alunos. “Vamos precisar de mão-de-obra qualificada diante do crescimento que temos percebido em Pinheiro. Além disso, precisamos abrir mais vagas para o ensino médio, porque temos identificado um crescimento de ingressantes neste nível escolar ao longo dos anos. Portanto, precisamos nos preparar, e com uma unidade plena do Iema, nossos estudantes terão, além de uma excelente estrutura, uma instituição de referência”, destacou Dra. Thaiza.

Thaiza Hortegal se mobiliza para viabilizar a instalação de uma unidade do Iema em Pinheiro A deputada Thaiza Hortegal busca viabilizar...