Postagens

Justiça decreta cassação e inelegibilidade do prefeito e do vice de Mirinzal

Abriu a porteira: O ministro Luiz Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), mandou soltar nesta sexta-feira (30) o ex-deputado Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR). Ao autorizar a soltura do peemedebista, Fachi determinou que ele passe a usar tornozeleira eletrônica e deverá permanecer em casa à noite (de 20h às 6h), finais de semana e feriados. Além disso, ficará proibido de contato com outros investigados e de deixar o país, devendo se apresentar à Justiça sempre que requisitado. Rocha Loures foi preso no começo de junho após perder o mandato de deputado, em razão das delações de executivos da JBS. Ele foi flagrado pela PF recebendo de um executivo da empresa uma mala com R$ 500 mil que, segundo os investigadores da Lava Jato, era dinheiro de propina.

Maranhense é preso por comandar o jogo da Baleia Azul na Baixada

Rocha se alimenta da desgraça de Temer e ganha importância no Senado como mero cumpridor de tarefas

Na ausência do vereador da região, empresário Gean lidera mutirão de limpeza do campo de futebol do povoado Madeira.

Governo realiza primeira cirurgia bariátrica no Hospital Regional de Caxias

HISTÓRIA DE SÃO PEDRO

MPF denuncia presidente e diretores do Idac por desvio de recursos da saúde

STF autoriza novo inquérito para investigar senador Edison Lobão

Preso acusado de estuprar enteadas de 15, 13 e 10 anos no interior do Maranhão

Raul Jungmann explicará acordo sobre Base de Alcântara nesta quinta-feira no Senado

PF para de emitir passaportes por falta de dinheiro

Símbolos da mudança

Se a moda pega: Vereadores são presos durante sessão plenária

Lúcio André prestigia Arraias da Região

PRF apreende grande quantidade de crack transportado em veículo envolvido em acidente na BR-010