MARANHÃO EM OBRAS

MARANHÃO EM OBRAS

sexta-feira, 23 de junho de 2017

Com ambulância entregue a Pinheiro, Governo atinge marca de 100 veículos neste ano

Fonte: Secap
Texto: Rodrigo Miotto
Foto: Karlos Geromy
22/06/17

A cidade de Pinheiro recebeu uma ambulância nova do Governo do Estado na quinta-feira (22), mesmo dia em que foi atingida a marca de 100 veículos desse tipo entregues à população do Maranhão desde o início do ano.

A ambulância é completamente equipada e pode ser usada como unidade básica ou Unidade de Suporte Avançado. Ela tem duas macas, duas pranchas, um umidificador, cadeira de rodas, cilindro e bala de transporte para oxigênio. O custo de cada unidade é de R$ 160 mil.

O compromisso do Governo do Maranhão é entregar ambulâncias a todos os 217 municípios do Estado. O prefeito de Pinheiro, Luciano Genésio, recebeu o veículo, de "grande relevância porque o município atende toda a região da Baixada Maranhense”. “A maioria da demanda recai sobre Pinheiro, então isso é importante, e a gente fica grato pela atenção do governador Flávio Dino”, acrescentou.

Enfrentando a crise

O governador Flávio Dino disse que a entrega dos veículos “é um gesto concreto para ajudar os municípios num momento de crise econômica”.

“Chegamos já a 100, e nosso compromisso é de 200 até o fim do ano. Vamos cumprir com toda certeza, de modo que os municípios tenham apoio de uma viatura moderna para que os pacientes sejam bem atendidos.”

Flávio acrescentou que “estamos qualificando e melhorando o sistema de saúde, com esse espírito de parceria”, referindo-se às prefeituras e à Assembleia Legislativa, que tem dedicado emendas parlamentares para ajudar na aquisição das ambulâncias.

O secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula, lembrou que o transporte de pacientes é um ponto fundamental para a rede de saúde. “É normal e natural que haja troca de pacientes entre hospitais, mas esse transporte precisa ser feito de maneira adequada. E para gente ajudar os municípios neste momento de crise, já entregamos cem ambulâncias, melhorando o transporte com segurança”, disse.

Nenhum comentário: