MARANHÃO EM OBRAS

MARANHÃO EM OBRAS

domingo, 7 de maio de 2017

Delação contra Flávio Dino é ‘inconsistente’, diz Folha

O jornal Folha de S. Paulo, em matéria publicada na edição deste domingo (7) elencou vários depoimentos de delatores da Odebrecht e materiais entregues como prova ao Ministério Público Federal que contêm “erros factuais, contradições e inconsistências”.
Um dos políticos mencionados na reportagem como exemplo desses “erros, contradições e inconsistências” é o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), delatado pelo ex-executivo da Odebrecht José de Carvalho Filho.
Segundo a Folha, na peça entregue ao Supremo contra o governador do Maranhão, Flavio Dino (PC do B), a Procuradoria Geral da República (PGR) apontou uma doação de R$ 400 mil – o dobro do valor delatado por José Carvalho.
“O repasse teria sido feito em troca da defesa de um projeto de lei, em 2010, sobre o qual o então deputado Dino não emitiu manifestação sobre o projeto, que foi arquivado pouco depois”, relata a Folha.
Um ministro do Supremo disse, sob condição de anonimato, que “incongruências fragilizam as acusações” e que algumas delações terão de ser reanalisadas em órgãos judiciais colegiados.

Segundo ele, “não se pode provar com probabilidades. Prova tem que ser cabal”.

Nenhum comentário: