terça-feira, 3 de maio de 2016

Governo lança movimento ‘Maio Amarelo’ nesta quarta-feira (4)



O movimento ‘Maio Amarelo’ é uma campanha criada pela Organização das Nações Unidas (ONU) e tem como objetivo chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortes e feridos no trânsito. Durante todo o mês, o ‘Maio Amarelo’ mobiliza diversos segmentos e realiza, em parceria com as instituições, uma série de estratégias pela segurança no trânsito. No Maranhão, o movimento ‘Maio Amarelo’, que será lançado pelo governador Flávio Dino nesta quarta-feira (4), às 9h, no Palácio dos Leões, terá uma programação especial promovida pelo Governo do Estado e coordenada pelo Detran-MA.

Neste ano o movimento ‘Maio Amarelo’ vem com o tema “Eu sou mais um por um trânsito mais humano”. De acordo com a diretora geral do Detran-MA, Larissa Abdalla, o engajamento do Departamento à campanha do ‘Maio Amarelo’ é mais uma iniciativa da instituição para salvar vidas. “O movimento ‘Maio Amarelo’ vem mais uma vez colaborar com o fortalecimento dessa causa, e ajudar a sociedade a adotar posturas mais seguras no trânsito. O Detran-MA é parceiro e durante o mês de maio vamos intensificar as ações de educação para o trânsito”, ressaltou a diretora.

O movimento ‘Maio Amarelo’ no Maranhão conta, ainda, com o apoio de parceiros convidados pelo Departamento. Após o lançamento oficial da campanha, os prédios públicos do Governo do Estado, o Tribunal de Justiça do Maranhão, a Prefeitura de São Luís e as pontes da cidade, receberão iluminação especial em homenagem à campanha.


A programação especial do ‘Maio Amarelo’ também acontecerá nas 15 Circunscrições Regionais de Trânsito do Maranhão (Ciretrans). Em cada Ciretran, serão realizadas caminhadas e ações educativas para conscientizar a polução sobre a importância da segurança no trânsito. Em São Luís, a programação do Detran-MA inclui, ainda, palestras em escolas públicas e particulares, blitze educativas em bares, passeio ciclístico, caminhadas e abordagens educativas durante o clássico Sampaio e Vasco.

Nenhum comentário: