OBRAS MAIS ASFALTO

OBRAS MAIS ASFALTO

segunda-feira, 18 de abril de 2016

Miguel Reale Júnior outro que fica pra historia como herói

Formado em direito em 1968 pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo, pela qual também se tornou doutor em 1971 com a tese Dos estados de necessidade e livre-docente em 1973, Miguel Reale Júnior tem forte atuação na área do direito penal. É professor da Faculdade de Direito da USP desde 1987 e autor de diversos artigos publicados nos mais diversos periódicos. Atualmente exerce a cátedra como professor titular de direito penal no Departamento de Direito Penal, Medicina Forense e Criminologia da Faculdade de Direito da USP. Foi um membro da Comissão Revisora da Parte Geral do Código Penal e da Lei de Execução Penal entre 1980 e 1984.[1]
É um membro honorário da cadeira nº 2 da Academia Paulista de Letras, bem como da Real Academia de Jurisprudência y Legislacion madrilenha.
Foi conselheiro federal da Ordem dos Advogados do Brasil de 1974 a 1977. Em 1983, tornou-se o secretário de Segurança Pública do estado de São Paulo no governo Franco Montoro. Em 1987 tornou-se presidente do Conselho Federal de Entorpecentes - COFEN, órgão ligado ao Ministério da Justiça. Em 1995, foi feito secretário estadual da Administração e Modernização do Serviço Público no governo Covas. [1]
Finalmente em 2002, tornou-se ministro da Justiça no governo Fernando Henrique Cardoso por breve período. Militante do PSDB, sempre esteve ligado a políticos como Franco Montoro, Mário Covas e Fernando Henrique Cardoso.

Durante mais de 20 anos Miguel Reale teve como braço direito seu sócio David Teixeira de Azevedo, formando assim a empresa Reale & Azevedo Advogados.

Nenhum comentário: