OBRAS MAIS ASFALTO

OBRAS MAIS ASFALTO

terça-feira, 25 de outubro de 2016

Bequimão - Unidade Vocacional do IEMA começou a funcionar no município.



"O IEMA Vocacional do município de Bequimão começou efetivamente a funcionar, e neste primeiro momento estão sendo ofertados três cursos: Inglês básico, Agricultura Orgânica e Montador de Ferragens. As turmas estão funcionando nos turnos matutino, vespertino e noturno. Essa é uma excelente oportunidade para nossos jovens aprenderem uma profissão para facilitar o ingresso no mercado de trabalho.Obrigado governador Flávio Dino!" As informações e os agradecimentos são do vereador Elandersom Pereira (PC do B), que muito lutou para que esse sonho se tornasse realidade. 

Na opinião do vereador, a unidade vocacional é um ganho significativo para a população do município. “É uma nova política educacional que valoriza a integração do ensino médio com o técnico pelo governo do Estado. Não só os jovens do Bequimão, mas dos municípios da região, que muitas vezes ficam ociosos e acabam entrando para a criminalidade, agora podem usufruir desta oportunidade se capacitar”, avaliou Elanderson.




Para Robson Paz, da Secretaria de Estado da Comunicação e Assuntos Políticos (Secap), que é natural de Bequimão e irmão do vereador Elanderson, as unidades vocacionais dos Iemas ofertam cursos profissionalizantes para inserção de jovens no mercado de trabalho, com aulas presenciais. “É um sonho acalentado pela população desta região. Essa oportunidade de adquirir conhecimento voltado para o campo profissionalizante abre uma perspectiva muito grande para a nossa juventude, que terá maior possibilidade de adentrar no mercado de trabalho”, comentou  Robson Paz durante vistoria na Escola Liliosa Cantanhede, acompanhado pelo secretário Jhonatan Almada, Secretario de Estado da Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti),onde  a unidade do Iema foi implantada. 

Sobre as Unidades Vocacionais

As unidades vocacionais do IEMA foram desenvolvidas para promover a formação profissional e técnica de jovens e adultos, articulada com as demandas dos setores produtivos e regionais e visam atender às demandas existentes de formação profissional, tendo em vista sua inserção produtiva na perspectiva de melhorar os indicadores econômicos e sociais do estado. As unidades objetivam contribuir com o acesso de diversos maranhenses ao mercado de trabalho mediante uma formação profissional técnica. 

Nenhum comentário: