sábado, 30 de abril de 2016

EM NOTA LUCIANO REPUDIA INFORMAÇÕES INVERÍDICAS SOBRE SEU PARTIDO O PP

Meus amigos não têm nada em relação ao PP. O que estão criando é fatos, para atingir a nossa pré-candidatura. Estamos firmes e fortes, confio nos Deputados Federais Waldir e André pelas palavras que para mim foram dadas. Nós temos um Diretório onde respeitamos a legalidade de seus artigos. O Dep. Victor mostrou quem é, tentar negociar o seu voto em troca de nós tirar do processo político de Pinheiro em 2016, seguindo a linha perseguidora do seu pai, aí eu pergunto: será que pensou no povo de Pinheiro? Do Maranhão? Do Brasil? Ele é baixo que nem ascendente. Mas estamos tranqüilos porque seremos o candidato do Governo com um grupo unido para vencer as eleições. Lideramos todas as pesquisas de intenção de votos, demonstrando o anseio da maioria dos Pinheirenses. Confie em mim, porque sabemos o que estamos fazendo. Temos Deus no coração!!! Vamos em frente PINHEIRO MERECE MAIS...

sexta-feira, 29 de abril de 2016

Urna eletrônica é vulnerável, mostram testes Embora o TSE diga que o sistema é totalmente seguro

Leyberson Pedrosa_EBC
Reunidos em Brasília em março, especialistas identificaram quatro vulnerabilidades nas máquinas
Lúcio Batista e Edjalma Borges
Utilizada pela primeira vez em 1996, a urna eletrônica só foi submetida a testes públicos 13 anos depois, em 2009. Na ocasião, o perito em informática Sérgio Freitas conseguiu violá-la utilizando um modesto radinho AM/FM. Aplicando uma técnica chamada “ataque tempest”, ele foi capaz de quebrar o sigilo dos votos ao detectar o som que as teclas da urna emitiam. “Enquanto digitava na urna, eu consegui rastrear a interferência que isto provocava na onda, gravando um arquivo WAV com estes sons”, explica Sérgio. Após gravar os ruídos provocados pelos botões da urna, o analista de sistemas fez a decodificação que lhe permitiu descobrir quais candidatos eram escolhidos pelo eleitor, quebrando assim o sigilo do voto.
Apenas cinco minutos, em 2012, foram suficientes para que a tão defendida “inviolabilidade da urna” pelo TSE fosse duramente contestada. Uma falha grotesca na segurança do sistema de votação foi encontrada pela equipe liderada pelo professor e doutor em Ciência da Computação Diego Aranha, da Universidade de Campinas (Unicamp), que a classificou como “infantil”. O código que faz o embaralhamento dos votos, recurso que serve para impedir a identificação dos eleitores a partir de seus votos, foi facilmente encontrado pelo grupo. provar o feito, o professor da Unicamp, ao simular uma votação, descobriu a ordem cronológica de 474 dos 475 votos depositados na urna para um dos dois cargos cadastrados (vereador e prefeito), uma taxa de acerto de 99,9%.
Clique aqui e assine a revista
Em 2014, quando quase 142 milhões de eleitores brasileiros estavam aptos a votar inclusive para presidente, o TSE não realizou os testes públicos feitos nas duas disputas anteriores, alegando que eram desnecessários devido à comprovada eficácia do sistema. Este ano, quando o eleitorado brasileiro volta às urnas para escolher prefeitos e vereadores, o tribunal resolveu realizar a terceira edição do Teste Público de Segurança do Sistema Eletrônico de Votação (TPS 2016). Em março, especialistas de vários cantos do país foram selecionados pelo TSE para virem a Brasília virar de cabo a rabo as maquininhas coletoras de voto. Quatro vulnerabilidades foram apontadas pelos técnicos: três comprometem o sigilo do voto e uma possibilita a adulteração do resultado. O assunto é destaque da nova edição da Revista Congresso em Foco. Veja outras reportagens do novo número.
Com dois meses de antecedência, os selecionados tiveram acesso ao código-fonte do sistema, o que permitiu que eles escolhessem as áreas que seriam atacadas. Esta prévia é necessária porque o TSE concede apenas três dias para que os “investigadores” realizem os testes. Segundo especialistas, esse tempo é absolutamente insuficiente para analisar os mais de 12 milhões de linhas de comando que compõem o código. A título de comparação, seria como ler e analisar detalhadamente todas as páginas de 180 livros com a espessura de uma Bíblia em apenas 72 horas.
Sigilo em xeque
Uma das vulnerabilidades identificadas pelos especialistas em março está no sistema de áudio utilizado por deficientes visuais na hora da votação. A descoberta foi feita pelo grupo coordenado pelo professor Luís Fernando de Almeida, diretor do Departamento de Informática da Universidade de Taubaté (Unitau).
A liberação do recurso de áudio na urna é feita pelo presidente da seção, que pode “ouvir” os votos não apenas dos eleitores com deficiência visual, mas de todos os demais votantes daquela seção. “O maior risco é a habilitação e a captura da saída de áudio durante a votação de um eleitor ilustre, cuja quebra do sigilo do voto possa ser utilizada para fins políticos”, exemplifica Diego Aranha.

Prefeito tenta manter farsa sobre sua omissão com matadouro

Este Blog em matéria publicada ainda no ano passado chamava a atenção, para a farsa montada pelo prefeito, onde disse que não ira construir matadouro para "engordar" Dr. João Paulo e estava "engordando senhor Manoel. Reveja aqui:
Na verdade o prefeito de Pinheiro perdeu a noção das coisas hoje ele quer ser além de prefeito Juiz, Promotor, Delegado de Policia e ainda quer mandar na Câmara de Vereadores, isso talvez porque essas Instituições e Autoridades parecem acovardadas para os seus desmandos, mesmo depois de condenado a perda dos seus direitos políticos ele quer continuar dando as cartas, atras  nas pesquisas ele vai tentar mais uma vez de todas as formas atrapalhar a candidatura do seu principal adversário Luciano, que esta consolidado na disputa para ser seu sucessor e fazer com que nossa cidade volte a andar

Quem quiser pode rever aqui o que mostramos em setembro de 2015...

João Paulo desmonta mentiras de Filuca

Em  desastrosa entrevista o prefeito de Pinheiro  Filuca Mendes , tremendo na base  respondeu que não iria construir o matadouro  para não “encher “o bucho de João Paulo.
Procurado pela reportagem da Band, João Paulo Nogueira esclarece a verdadeira historia sobre o matadouro de Pinheiro.  Segundo ele,  ainda em 2012 resultado  da concorrência  N° 003/2012 foi celebrado o contrato entre a prefeitura e o Sr. João Roberto Gomes Nogueira  onde foi feita a concessão onerosa  de uso do prédio publico do matadouro municipal e suas  respectivas instalações e terreno, visando a exploração  para abater animais bovinos, pelo um período de cinco anos. Ocorre que assim que assumiu a prefeitura em 2013 o senhor Filadelfo Mendes, usurpando poderes  usou do decreto 04 datado de 02 de janeiro de 2013 suspendendo todos  os  contratos vigentes  celebrados  de 209 a 2012, sem todavia haver qualquer argumento plausivo para isso .
Ainda segundo o entrevistado se o prefeito não constrói  um novo matadouro é por pura incompetência e falta de vontade politica,  porque seu filho  se afastou do matadouro  depois de investir 75 mil reais  e nenhum dos equipamentos exigidos  e implantados foram retirados e devolvidos, mesmo  após sentença favorável que garante ao João Roberto  Nogueira , a administração do matadouro  em 15 de maio de 2015 sob pena de multa diária de cinco mil reais , a incidir sobre o patrimônio pessoal do prefeito. E ainda pede o encaminhamento a Procuradoria  de Justiça  de pedido de intervenção no Município por descumprimento de ordem judicial e imputação de crime de responsabilidade .
Quem não se lembra como matadouro funcionava em Pinheiro? O animais eram esquartejados no chão, disputados ali mesmo no chão por cães e urubus, o dejetos produzidos ali corriam a céu aberto, na minha administração conseguimos reverter esse quadro, e amenizar o forte odor que tanto incomodava os moradores daquela localidade, com o apoio do prefeito Zé Arlindo, conseguimos o terreno para a construção de um novo matadouro, e que o mesmo não constrói porque não quer,  passou 8 anos sem mexer um pedra pelo matadouro, e agora mais 3 anos sem querer fazer o novo, que foi promessa das campanhas patrocinadas por ele pra prefeito e na de deputado do filho. Eu Juntamente com Zé Arlindo mudamos a forma de transporte da carne que na gestão dele era transportada em carroças.
Em mais um momento da nebulosa administração  agora em junho deste foi apresentada  um decisão administrativa de nulidade da concorrência 003/2012, ora, seu prefeito,  nem mesmo o mérito da liminar  nos ortoga a administração daquele matadouro foi julgado, nunca nos foi devolvido o que foi investido ali, caracterizando apropriação, ai o você vem dizer que esta enchendo minha barriga ou da minha família? Vossa excelência poderia vir a publico e dizer o nome de quem está administrando o matadouro, se assim o fizesse a população saberia que não á minha família que está “sendo”  alimentada ali.,











quinta-feira, 28 de abril de 2016

Ministério Público denuncia Roseana Sarney por crimes na Saúde

Roseana Sarney
Veja – A ex-governadora do Maranhão Roseana Sarney (PMDB) foi denunciada pelo Ministério Público estadual por inúmeras irregularidades na construção de 64 hospitais do programa Saúde é Vida, que custaram aos cofres públicos ao menos 151 milhões de reais. Além da ex-governadora, seu cunhado e ex-secretário de Saúde Ricardo Murad e outras quinze pessoas foram denunciadas.
Segundo a denúncia, oferecida pelo promotor Lindonjonson Gonçalves de Sousa, a ex-governadora teria cometido os crimes de dispensa ilegal de licitação, fraude a licitação, peculato, falsidade ideológica e associação criminosa.
As fraudes foram cometidas, segundo o promotor, por uma estrutura criminosa “com a finalidade de enriquecimento às custas das verbas da saúde pública, bem como financiamento de campanhas eleitorais, quais sejam, as campanhas da ex-governadora e do ex-secretário” de Saúde Ricardo Murad em 2010. Na denúncia, o promotor afirma que 1,95 milhão de reais da saúde abasteceu a campanha da ex-governadora e de seu partido.
SEM LICITAÇÃO
Em julho de 2013, a reportagem de VEJA visitou em Matões do Norte um dos hospitais do programa Saúde é Vida, que era descrito pelo governo como um “grandioso plano de investimento jamais visto na história da saúde pública do Maranhão”. Na ocasião, vinte unidades hospitalares estavam praticamente prontas, mas nunca haviam recebido um paciente sequer. Era o caso do hospital de Matões do Norte, pronto desde 2011, que possuía camas e colchões novos, mas só era usado pelos vigilantes que tomavam conta do local. A unidade só foi inaugurada no início de 2014.
As empresas que construíram os hospitais foram contratadas sem licitação e sem exigência do projeto básico de construção, que só vieram a ser apresentados meses depois. Cada leito, levando em conta apenas a alvenaria da edificação – sem colchão ou equipamento -, custou aos cofres públicos mais de 118 000 reais. “É evidente o superfaturamento dos preços das obras, pois os aditivos não tiveram nenhuma justificativa, senão expandir artificialmente as despesas com as obras dos hospitais, pela forma como foi justificada e pela opção do valor linear dos aditivos para todos os contratos”, afirma o promotor.

Fidel Castro entra na lista dos mais ricos do mundo da "Forbes"


da Folha Online

A lista das pessoas mais ricas do mundo elaborada pela revista "Forbes" inclui neste ano o ditador cubano Fidel Castro, que teria acumulado uma fortuna de US$ 550 milhões.

Entre políticos e chefes de Estado citados pela "Forbes", estão à frente de Fidel em fortuna apenas o rei Fahd Bin Abdul Aziz Alsaud, da Arábia Saudita, com US$ 22 bilhões; o sultão Haji Hassanal Bolkiah, de Brunei, com US$ 20 bilhões; o príncipe Hans-Adam, de Liechtenstein, com US$ 3,2 bilhões; o primeiro-ministro da Tailândia, Thaksin Shinawatra, com US$ 1,9 bilhão; e a rainha Elizabeth 2ª, com US$ 720 milhões.

De acordo com a publicação, se, por um lado, Cuba não pára de empobrecer desde 1959, quando a revolução comandada por Fidel e pelo médico argentino Ernesto Che Guevara derrubaram o governo de Fulgêncio Batista, por outro lado a fortuna pessoal do ditador não pára de crescer.

Segundo a "Forbes", Fidel teria acumulado a fortuna a partir de "uma rede de negócios pertencentes ao Estado".

Entre esse negócios, a revista cita o Palácio de Convenções, um centro de convenções próximo a Havana (capital do país); o conglomerado do setor de varejo Cimex; e o Medicuba, que vende vacinas e outros produtos farmacêuticos produzidos no país.

A revista afirma ainda que Fidel viaja exclusivamente em comboios de carros Mercedes-Benz. Além disso, teria recebido US$ 50 milhões em 1993 por ter vendido a fabricante estatal de rum Havana Club para a gigante francesa Pernod Ricard.

Criada nos Estados Unidos em 1917, a "Forbes" hoje é publicada em diversos países e produz anualmente listas das personalidades mais ricas do planeta.

quarta-feira, 27 de abril de 2016

Vejam como metem, e vão mentir novamente, fique alerta pois a mentira é de pai para filho




Juiz do TJMA que mandou prender funcionários da TAM é afastado pelo CNJ

Corregedora Nacional de Justiça, ministra Nancy Andrighi, avocou três procedimentos disciplinares contra o juiz Marcelo Testa Baldochi que tramitavam na Corregedoria-Geral de Justiça do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA). Crédito: Luiz Silveira/Agência CNJ.
Em foco, Corregedora Nacional de Justiça, Ministra Nancy Andrighi, durante a 230ª Sessão Plenária.Foto: Luiz Silveira/Agência CNJ
O Conselho Nacional de Justiça determinou a abertura de três Processos Administrativos Disciplinares (PADs) e o afastamento do juiz Marcelo Testa Baldochi, do Tribunal de Justiça do Estado do Maranhão (TJMA), por reiterado comportamento arbitrário e abuso de poder. Em um dos casos, que teve ampla divulgação na imprensa nacional, o magistrado deu voz de prisão, em dezembro de 2014, a dois funcionários da companhia aérea TAM por não conseguir embarcar em um voo que já estava com o check-in encerrado.
A abertura dos processos foi proposta pela corregedora nacional de Justiça, ministra Nancy Andrighi, e aprovados – dois por unanimidade – pelo CNJ no Plenário Virtual. Os PADs contra Baldochi foram os primeiros aprovados em julgamento virtual pela instituição. Andrighi avocou os três procedimentos disciplinares que, antes, tramitavam na Corregedoria-Geral de Justiça do TJMA.
Para a corregedora, em todos os casos há fortes indícios de que o magistrado teria agido com abuso de autoridade ao determinar prisões arbitrárias, além de ser suspeito de ter cometido apropriação indébita de um lote de gado.
Voz de prisão – Em um dos pedidos de abertura de PAD conduzido pela Corregedoria, Baldochi teria chegado no aeroporto de Imperatriz/MA, em dezembro de 2014, após o encerramento docheck-in e com o processo de decolagem já iniciado. Irritado por não conseguir embarcar, o juiz determinou a prisão em flagrante de dois funcionários da companhia aérea TAM, que foram conduzidos à delegacia por policiais militares. 
Nancy Andrighi considerou que os indícios caracterizam abuso de autoridade do magistrado pela utilização do cargo para violar o direito à liberdade dos funcionários da companhia aérea, submetendo-os a constrangimentos e a situações vexatórias.
Apropriação indevida – No outro pedido de abertura de PAD, Baldochi é suspeito de apropriação indébita de um lote de cabeças de gado com valor estimado em R$ 84 mil. De acordo com o voto, o magistrado teria dado voz de prisão a Jairo Pereira Moura, mais conhecido como Mineiro, que transportava o gado para a revenda na cidade maranhense de Pinheiro.
O magistrado teria alegado que o gado seria de sua propriedade. Na sequência, Baldochi teria levado os bovinos para, às pressas, proceder o abate em uma fazenda da região e revender a carne. O pecuarista que iria comprar parte do gado transportado por Mineiro também testemunhou contra o juiz, alegando ter tido um prejuízo de R$ 27,5 mil.
Para a corregedora, em que pese a apropriação indébita e a arbitrariedade estarem respaldadas em depoimentos prestados pelas testemunhas, existem “elementos indiciários suficientes que apontam a possível prática de infrações disciplinares pelo juiz”.
Prisão arbitrária – No terceiro pedido de abertura de PAD, a suspeita contra Baldochi é de que ele teria determinado arbitrariamente a prisão do tabelião substituto Robson Almeida Cordeiro, do 2º Ofício Extrajudicial da Comarca de Imperatriz/MA, por suposto descumprimento de ordem judicial.
Cordeiro teria se negado a emitir gratuitamente certidão de registro de paternidade e, por isso, teria sido preso. O delegado a quem o tabelião foi apresentado, entretanto, informou ao juiz que não havia provas testemunhais ou outras maneiras para instruir o procedimento de prisão.
Corregedoria Nacional de Justiça

Polícia Civil do Maranhão lança aplicativo “ByZu” contra o crime


A Polícia Civil, por meio da Delegacia Geral do Maranhão e da Superintendência de Polícia Civil da Capital – SPCC, lançou oficialmente na tarde desta terça-feira (26) o aplicativo “ByZu”, desenvolvido para auxiliar as investigações relacionadas ao tráfico de drogas, porte ilegal de armas de fogo e para auxiliar na localização de foragidos da Justiça e autores de crimes.
O objetivo principal do aplicativo é o recebimento de denúncias anônimas, que serão analisadas por uma equipe especializada. Após a avaliação das denúncias, elas serão encaminhadas a delegacias especializadas para a continuidade das investigações.
O ByZu pretende, também, intensificar a aproximação da Polícia com a sociedade, dizem os idealizadores do aplicativo, delegado Alessandro Barreto e o agente Mardem Lincow, que pertencem à Polícia Civil do Piauí. O superintendente de Polícia Civil da Capital, delegado Armando Pacheco, explica que são muitos os esforços da gestão para aproximar a Polícia da sociedade e aumentar a produtividade da corporação e a segurança dos cidadãos.
“Quando temos informações repassadas por pessoas que residem no local de onde parte a acusação, temos a otimização do nosso tempo, pois as investigações partem daquela denúncia, averiguamos o autor, que tipo de crime, e, assim, quando chegamos até o fato, torna-se mais rápido o procedimento”, disse ele.
Além de intensificar as ações de inteligência, a aquisição de equipamentos e a progressiva reestruturação de equipes policiais, com expansão do número de policiais, o superintendente destaca que a Polícia Civil tem investido no uso da tecnologia para garantir resultados ainda mais expressivos
Denúncias por WhatsApp
O aplicativo lançado nesta terça-feira (26) não é a única ferramenta utilizada pela Polícia Civil para, com denúncias anônimas, intensificar as ações de segurança. No início do mês de abril, a Polícia Civil, por meio da Delegacia Geral e da Superintendência Estadual de Repressão ao Narcotráfico (Senarc), lançou o ‘Senarc no Combate às Drogas’ canal do aplicativo WhatsApp que está intensificando o combate às drogas.
Por meio do número telefônico (98) 9.9163-4899, a Senarc disponibiliza serviço de coleta de informações através do WhatsApp, visando combater o tráfico de drogas em todo o estado. O serviço funciona 24 horas por dia e tem sigilo absoluto, sendo totalmente confiável. A partir das informações repassadas, é iniciado um serviço de investigação e monitoramento, garantindo uma resposta satisfatória para a população.

Jovem é executada com quatro tiros na cabeça


Em uma região conhecida popularmente como “Buraco Fundo”, que fica na Vila Santa Catarina de Sena, bairro da cidade de Imperatriz, foi encontrado um corpo do sexo feminino, estendido no chão, com um capacete de motocicleta ainda na cabeça. A polícia identificou a vítima como sendo Ana Carolina de Oliveira Feliciano, a “Karol”, de 19 anos, que foi morta a tiros, no início da manhã de ontem (26).
Os tiros atingiram a cabeça de “Karol” por baixo do capacete que ela usava. (Foto: Divulgação)Os tiros atingiram a cabeça de “Karol” por baixo do capacete que ela usava. (Foto: Divulgação)
Ouvido pela reportagem do Jornal Pequeno, o delegado Praxísteles Martins, chefe da Delegacia de Homicídios imperatrizense, revelou que “Karol”, segundo o laudo pericial, foi executada com quatro disparos de arma de fogo na cabeça. Ele esclareceu que a garota teria saído de casa a pé, pouco antes das 6h, e, em um determinado momento de sua caminhada, subiu em uma moto, guiada por um homem. Depois disto, já no “Buraco Fundo”, moradores disseram ter escutado os tiros, e, a seguir, o barulho de uma motocicleta, que indicaria a saída do suspeito.
Ana Carolina pode ter sido assassinada por questões vinculadas ao tráfico de entorpecentes, pois, atualmente, estaria se relacionando com um traficante da região. Segundo Praxísteles, ela tinha dois filhos pequenos, que não moravam com a vítima, pelo fato de a mãe ter se “perdido” na vida, por meio de amizades com criminosos e o consumo de drogas. Conforme adiantou o delegado, um suspeito por tê-la matado já foi identificado, podendo ser preso a qualquer momento.

terça-feira, 26 de abril de 2016

Prefeito Lobato, de Santa Helena, participa de ato de comemoração dos 20 anos do SEBRAE em Pinheiro

O perfeito João Jorge Lobato, de Santa Helena, participou hoje pela manhã da solenidade de comemoração dos 20 anos de implantação do SEBRAE em Pinheiro e região. O ato aconteceu no auditório da instituição, localizado no centro da cidade de Pinheiro.

Em seu pronunciamento o prefeito  falou da importante parceria que o SEBRAE mantém com a prefeitura,  ajudando na organização produtiva do município.  Segundo o prefeito, essa parceria institucional  tem ajudado bastante no desenvolvimento do município através da capacitação e organização de empresários, comerciários e produtores ruais. "Está de parabéns o SEBRAE por esses 20 anos de atividades em prol do desenvolvimento da Baixada. Está de parabéns os empreendedores da região que muitos conhecimentos já obtiveram através do SEBRAE. O marco maior do resultado dessa parceria foi a realização do Salão do Empreendedor de Santa Helena, que  reuniu empresários da cidade", disse o prefeito.

Lobato  reconhece os trabalhos que o SEBRAE realiza em Santa Helena e disse que  a partir de agora essa parceria será intensificada ainda mais.

Luciano Genésio reaproxima do Governo


lucianoflavioO pré-candidato a prefeito de Pinheiro, Luciano Genésio (PP), tenta uma reaproximação com o governo do Estado e o apoio do Palácio para sua eleição na Princesa da Baixada. Luciano teve atritos com o governo no final do ano passado e agora está cada vez mais próximo. Agora que Waldir Maranhão está com moral com o governador Flávio Dino pelo voto contra o impeachment, Luciano esteve acompanhado do deputado federal no Palácio dos Leões na manhã desta  segunda-feira (25). O progressista e Leonardo Sá (PCdoB) são pré-candidatos a prefeito pelo município e andam distantes de um entendimento. Mas a sinalização de Luciano coloca o governador em um papel fundamental novamente para um entendimento.
Do http://www.clodoaldocorrea.com.br/2016/04/politica-maranhense-em-notas-180/

segunda-feira, 25 de abril de 2016

Sebrae comemora 20 anos de atuação de sua unidade regional na Baixada Maranhense nesta terça-feira


O Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas no Maranhão (Sebrae) comemora, nesta terça-feira (26) 20 anos de atuação de sua unidade regional sediada em Pinheiro, que atende a 25 municípios da região da Baixada e Litoral Ocidental maranhense.
Ao longo de todo o mês de abril, o escritório comemorou o marco histórico realizando cursos gratuitos de capacitação e reuniões com empreendedores locais, e recebe autoridades e convidados nesta próxima terça-feira, em sua sede, para solenidade comemorativa dos 20 anos de atividades.
“Promovemos uma semana inteira de capacitação gratuita em vários municípios da região, reafirmando nosso compromisso em estimular o empreendedorismo e contribuir com o desenvolvimento regional”, destacou o superintendente do Sebrae no Maranhão, João Martins.
A solenidade está marcada para às 8h30, na sede da Unidade, que fica na Avenida Getúlio Vargas, no Centro, com a presença da diretoria executiva da instituição, autoridades convidadas e ex-funcionários e gerentes que ajudaram a realizar as atividades do escritório nas últimas duas décadas.
Além da solenidade, será lançado o Memorial Eletrônico que contará os 20 anos de atuação do Sebrae na região, disponível em um totem instalado na sede do escritório.
Menção especial na Câmara Municipal – Após a solenidade na sede do Sebrae em Pinheiro, a Câmara Municipal local homenageará também a instituição em sessão ordinária que acontece por iniciativa do presidente da casa legislativa.

Querido filho!!!


Mais um ano em que eu venho aqui te desejar os parabéns pela sua longevidade, e dizer que eu continua na mesma, em mim recai o peso do abandono nesses 160 anos que completarei em  setembro.
Filho a situação política em nosso país é uma catástrofe anunciada e um governo tão artificial assim só mesmo nos seus cinco anos. Mas filho quero falar um pouco de mim e das agressões  sofridas por  conta desse teu afilhado que vem sendo muito danoso aos seus irmão, que enfim acordaram e criaram coragem de enfrentar,  desde que assumiu  a “tutela” de me administra logo nos primeiros dias mandou derrubar dezenas de casas de pobres que sem ter onde morar receberam a doação de terrenos feitas pelo meu ex tutor, seu afilhado foi humilhado na Justiças onde o Juiz falou que ele estava usurpando o direto da Justiça.  Não satisfeito ele manda derrubar outras casas dessa vez na Barragem da Justina, desta vez filho, seus irmão se juntaram e derrubaram um murro do sobrinho desse meu tutor.
A revolta com descaso comigo hoje tomou conta de todos, a ultima foi na quarta feira onde a comunidade se juntou invadiu incendiou e destruiu o matadouro municipal que já estava dentro da cidade deixando os filhos do Dondona Soares, Vila Zé Genésio, dentro de uma fedentina insuportável, promessa de campanha dele o do filho deputado que mentiram descaradamente para os meus amados.
Hoje a festa é sua e a tristeza minha, pois a minha maior riqueza é o Rio Pericumã de onde milhares de filhos tiram o sustento, que por pura maldade vem sendo atacado, aqui inventaram um tal de Viva Pinheiro, mas na verdade que foi Viva o dinheiro lavado nas margens das águas verdes ladeadas pelos verdes campos,  a coisa deu tão certo que num ato contra a física, montaram um tal de “APA”  onde milhares e milhares metros cúbicos de barro foram jogados as margem e desta feita a lavagem foi feita já com as águas vermelhas do Pericumã, um Crime Ambiental referendados pela omissão dos órgão fiscalizadores,  Área de Proteção Ambiental ali seria o Rio, filho simplesmente APA  deveria  ser o Parque do Babaçu, nossos Campos não uma montada em cima de outra obra inacabada e o pior sem licenças, e ainda pior  até oficiais da Marinha foram impulsos e ameaçados por esse gestor que não respeita nada e nem ninguém, e parece que  todos temem ele ou a você querido filho, mas os tempos são outros e quem deve um dia vai ter que pagar, pena que no Maranhão não temos Juízes como na “república do Paraná”.
Feliz aniversario filho!!!!
Da sua mãe Cidade de Pinheiro ao filho “ilustre” José Sarney
Por Gustavo Urbano Lopes





sexta-feira, 22 de abril de 2016

Duarte Jr faz sustentação no STJ para impedir bloqueio de internet

O superintendente do Procon do Maranhão, advogado Duarte Júnior, fez  sustentação oral no Superior Tribunal de Justiça, em Brasília, para impedir o bloqueio de internet.
Segundo ele,  não há justificativa jurídica para este bloqueio. “O objetivo é impedir tal prática não só no estado do Maranhão, mas em todo o território nacional. Afinal, tal prática configura um verdadeiro retrocesso jurídico e uma afronta aos direitos básicos do consumidor”, afirmou.
Veja o vídeo abaixo da defesa de Duarte Júnior no STJ:

terça-feira, 19 de abril de 2016

Dia de Santo Expedito

Dia de Santo Expedito é comemorado anualmente em 19 de abril.
Esta é uma data celebrada principalmente pela comunidade cristã católica, homenageando um dos santos mais populares da doutrina, conhecido popularmente como o “Santo das Causas Justas e Urgentes”.
Muito pouco se sabe sobre a origem de Santo Expedito, a não ser que, supostamente, teria vivido durante o século IV e era comandante de uma legião de soldados romanos em defesa contra o ataque de bárbaros, no oriente.
A festa litúrgica de Santo Expedito é comemorada em 19 de abril por ser esta a provável data de sua morte.
Expedinto teria sido martirizado e morrido com a cabeça decepada em 19 de abril de 303, por não renegar a fé cristã.
Atualmente, os fiéis católicos participam de missas especiais e procissões em homenagem à Santo Expedito.
Na umbanda, o dia 19 de abril é celebrado como o Dia de Logunedé, que é a representação mística sincretizada pela igreja católica como Santo Expedito.

Oração a Santo Expedito

Meu Santo Expedito das causas justas e urgentes, interceda por mim junto ao nosso Senhor Jesus Cristo, socorre-me nesta hora de aflição e desespero. Vós que sois o Santo dos desesperados, Vós que sois o Santo das causas urgentes, proteja-me, ajuda-me, dai-me força, coragem e serenidade. Atenda ao meu pedido.
Meu Santo Expedito! Ajuda-me a superar estas horas difíceis, proteja-me de todos que possam me prejudicar, proteja a minha família, atenda ao meu pedido com urgência. Devolva-me a Paz e a tranquilidade. Meu Santo Expedito! Serei grato pelo resto de minha vida e levarei seu nome a todos que têm fé. Muito obrigado. Amém”.

TEORI HOMOLOGA DELAÇÃO QUE MOSTRA LULA COMO MENTOR DE OBSTRUÇÃO À JUSTIÇA


O chefe de gabinete do senador Delcídio do Amaral, Diogo Ferreira, confirmou em acordo de delação premiada que sabia da conversa mantida pela presidente Dilma Rousseff com seu chefe, em que ela revelou a intenção de indicar o advogado Marcelo Navarro para o Superior Tribunal de Justiça (STJ), com o objetivo seria atrapalhar as investigações da Operação Lava Jato e proteger os executivos da Odebrecht e da Andrade Gutierrez.
Diogo também mencionou a participação do então ministro da Justiça e atual chefe da Advocacia Geral da União (AGU), José Eduardo Cardozo. A afirmação de Diogo Ferreira foi citada pelo ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal (STF), ao homologar o acordo de delação premiada do funcionário, que também foi preso junto ao senador.
A conversa com Dilma havia sido relatada pelo próprio Delcídio, ex-líder do governo no Senado e ex-PT-MS quando foi preso em flagrante.  Na delação, Ferreira complicou ainda mais a situação do ex-presidente Lula e do filho do pecuarista José Carlos Bumlai, Maurício Bumlai, trazendo ambos para o centro das tentativas de impedir a delação do ex-diretor da Petrobras Nestor Cerveró.
Ele relata ter participado de encontros com Maurício, de quem recebeu dinheiro para ser entregue à família de Cerveró. Foram três entregas de R$ 50 mil feitas por meio do advogado de Cerveró, Edson Ribeiro, em São Paulo. As informações são da revista Época.

O chefe de gabinete Diogo Ferreira apresentou como provas algumas trocas de mensagem de áudio e WhatsApp, combinando o local das entregas. Segundo a delação de Delcídio, Lula seria principal articulador da estratégia de "comprar o silêncio" de Cerveró. 
Do: Diario do Poder

Ex-prefeito é alvo em operação da PF contra crimes previdenciários


Por Oswaldo Viviani
A Polícia Federal (PF) do Maranhão desencadeou, na manhã de hoje (19), em São Luís e outras quatro cidades da Baixada Maranhense, a Operação Vínculos, de combate a crimes previdenciários. Um dos alvos da operação é o ex-prefeito de São Bento,   Luiz Gonzaga Barros, conhecido como Luizinho Barros (PCdoB), de 48 anos. Contra ele há um mandado de prisão temporária. Contadores, um advogado especializado em causas previdenciárias, um ex-funcionário do cartório de Palmeirândia, um servidor do INSS e intermediários também estão envolvidos.
O ex-prefeito de São Bento Luizinho Barros tem prisão temporária decretadaO ex-prefeito de São Bento Luizinho Barros tem prisão temporária decretada
Os policiais federais estiveram nas cidades de São Luís, São Bento, Palmeirândia, Pinheiro e Turilândia, para cumprir 32 mandados judiciais, sendo 9 de prisão temporária (5 dias), 19 de busca e apreensão e quatro de condução coercitiva.
Entre os mandados judiciais consta, ainda, a determinação para que o INSS suspenda o pagamento de 11 benefícios de pensão por morte, bem como, em relação ao servidor da autarquia previdenciária, a proibição de frequentar o ambiente de trabalho e a determinação do afastamento das funções públicas pelo prazo de 90 dias.

História do Dia do Índio




Comemoramos todos os anos, no dia 19 de Abril, o Dia do Índio. Esta data comemorativa foi criada em 1943 pelo presidente Getúlio Vargas, através do decreto lei número 5.540. Mas porque foi escolhido o 19 de abril?
 Origem da data
 Para entendermos a data, devemos voltar para 1940. Neste ano, foi realizado no México, o Primeiro Congresso Indigenista Interamericano. Além de contar com a participação de diversas autoridades governamentais dos países da América, vários líderes indígenas deste contimente foram convidados para participarem das reuniões e decisões. Porém, os índios não compareceram nos primeiros dias do evento, pois estavam preocupados e temerosos. Este comportamento era compreensível, pois os índios há séculos estavam sendo perseguidos, agredidos e dizimados pelos “homens brancos”.
 No entanto, após algumas reuniões e reflexões, diversos líderes indígenas resolveram participar, após entenderem a importância daquele momento histórico. Esta participação ocorreu no dia 19 de abril, que depois foi escolhido, no continente americano, como o Dia do Índio.



Comemorações e importância da data

 Neste dia do ano ocorrem vários eventos dedicados à valorização da cultura indígena. Nas escolas, os alunos costumam fazer pesquisas sobre a cultura indígena, os museus fazem exposições e os minicípios organizam festas comemorativas. Deve ser também um dia de reflexão sobre a importância da preservação dos povos indígenas, da manutenção de suas terras e respeito às suas manifestações culturais.
 Devemos lembrar também, que os índios já habitavam nosso país quando os portugueses aqui chegaram em 1500. Desde esta data, o que vimos foi o desrespeito e a diminuição das populações indígenas. Este processo ainda ocorre, pois com a mineração e a exploração dos recursos naturais, muitos povos indígenas estão perdendo suas terras.






segunda-feira, 18 de abril de 2016

DOCUMENTOS DO PROCESSO DE IMPEACHMENT JÁ ESTÃO NO SENADO


A papelada do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff chegou, na tarde dessa segunda-feira, 18, ao Senado.  
Trazidos por um carrinho, as quase 30 pastas de documentos reúnem as informações de toda a tramitação do processo na Câmara, que foi autorizado em plenário ontem. 
Enquanto funcionários arrastavam o carinho pelo Salão Azul, em direção à Secretaria da Mesa Diretora do Senado, fotógrafos, jornalistas e curiosos travaram um embate para registrar o momento. 
O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), também veio ao Senado para se reunir com Renan e fazer a transmissão oficial do processo.

Janaina Paschoal nossa musa do impeachent


Janaina Conceição Paschoal (ca. 1975[2] ) é uma jurista brasileira, professora e doutorada em direito penal pela Universidade de São Paulo (USP),[3] que tornou-se conhecida por protocolar o pedido de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff na Câmara dos Deputados.[4] Atua na linha de pesquisa do direito penal econômico.

Obteve um doutorado na Universidade de São Paulo em 2002, orientada por Miguel Reale Júnior, com a tese "Constituição, Criminalização e Direito Penal Mínimo".

Miguel Reale Júnior outro que fica pra historia como herói

Formado em direito em 1968 pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo, pela qual também se tornou doutor em 1971 com a tese Dos estados de necessidade e livre-docente em 1973, Miguel Reale Júnior tem forte atuação na área do direito penal. É professor da Faculdade de Direito da USP desde 1987 e autor de diversos artigos publicados nos mais diversos periódicos. Atualmente exerce a cátedra como professor titular de direito penal no Departamento de Direito Penal, Medicina Forense e Criminologia da Faculdade de Direito da USP. Foi um membro da Comissão Revisora da Parte Geral do Código Penal e da Lei de Execução Penal entre 1980 e 1984.[1]
É um membro honorário da cadeira nº 2 da Academia Paulista de Letras, bem como da Real Academia de Jurisprudência y Legislacion madrilenha.
Foi conselheiro federal da Ordem dos Advogados do Brasil de 1974 a 1977. Em 1983, tornou-se o secretário de Segurança Pública do estado de São Paulo no governo Franco Montoro. Em 1987 tornou-se presidente do Conselho Federal de Entorpecentes - COFEN, órgão ligado ao Ministério da Justiça. Em 1995, foi feito secretário estadual da Administração e Modernização do Serviço Público no governo Covas. [1]
Finalmente em 2002, tornou-se ministro da Justiça no governo Fernando Henrique Cardoso por breve período. Militante do PSDB, sempre esteve ligado a políticos como Franco Montoro, Mário Covas e Fernando Henrique Cardoso.

Durante mais de 20 anos Miguel Reale teve como braço direito seu sócio David Teixeira de Azevedo, formando assim a empresa Reale & Azevedo Advogados.

Hélio Bicudo novo Herói brasileito

Hélio Pereira Bicudo (Mogi das Cruzes, 5 de julho de 1922) é um jurista e político brasileiro, militante de direitos humanos, bacharel em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo, turma de 1947.
Durante o governo Carvalho Pinto, em São Paulo, foi o primeiro presidente das Centrais Elétricas de Urubupungá – Celusa, construtora das usinas de Jupiá e de Ilha Solteira.
Foi ministro interino da Fazenda no governo João Goulart, substituindo Carvalho Pinto de 27 de setembro a 4 de outubro de 1963.
Como procurador de Justiça no Estado de São Paulo, destacou-se, juntamente com o então Promotor de Justiça Dirceu de Mello, no combate ao Esquadrão da Morte. Em razão do combate ao Esquadrão da Morte e de todas as outras investigações de violações dos direitos humanos que conduziu neste período, teve o seu nome incluído no Serviço Nacional de Informações.
Em 1981, integrou a 1ª Diretoria Executiva da Fundação Wilson Pinheiro, fundação de apoio partidária instituída pelo PT, antecessora da Fundação Perseu Abramo.
Em 1986 foi candidato ao senado pelo PT, ficando em terceiro lugar, atrás dos eleitos Mário Covas e Fernando Henrique Cardoso, ambos do PSDB.
Foi secretário dos Negócios Jurídicos do município de São Paulo na gestão de Luíza Erundina de 1989 a 1990, ano em que se elege deputado federal.
Em fevereiro de 2000, foi empossado como presidente da Comissão Interamericana de Direitos Humanos, com sede em Washington. É o terceiro brasileiro a ocupar a presidência da entidade.
Foi vice-prefeito de São Paulo de 2001 a 2004, durante a gestão de Marta Suplicy.
Um dos aproximadamente cem professores que fundaram o chamado inicialmente Partido dos Trabalhadores em Educação e depois partido dos Trabalhadores em 1980, foi filiado ao PT desde a sua fundação, da primeira ata, e desfiliou-se do partido em 2005 devido ao Mensalão.
Em 2010 declarou apoio a Marina Silva no primeiro turno e a José Serra no segundo turno. Em 2012, apoiou novamente José Serra na disputa municipal paulista.[1]
Criou e presidiu de 2003 a 2013 Fundação Interamericana de Defesa dos Direitos Humanos (FidDH), entidade que atuou junto à Comissão Interamericana de Direitos Humanos denunciando e acompanhado casos de desrespeito aos direitos humanos no Brasil.
Os processos denunciados e demais sob sua responsabilidade foram transferidos aos cuidados de diversas entidades de mesma finalidade. O encerramento das atividades da FidDH se deu por falta de recursos financeiros. Seu acervo bibliotecário foi doado à Pontifícia Universidade Católica de São Paulo no mesmo ano de encerramento de suas atividades, em ato solene.


Em 2015 protocolou na Câmara dos Deputados, um pedido de abertura de processo de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff. O jurista Miguel Reale Júnior e os Movimentos sociais pro-impeachment decidiram aderir ao requerimento de Bicudo, que contou também como apoio de parlamentares e parte da sociedade civil que organizou um abaixo-assinado em apoio ao Impeachment da Presidente da República. O pedido de Bicudo foi, no mesmo ano, acatado por Eduardo Cunha, então presidente da Câmara dos Deputados

Thaiza Hortegal se mobiliza para viabilizar a instalação de uma unidade do Iema em Pinheiro A deputada Thaiza Hortegal busca viabilizar uma unidade do Iema para o município de Pinheiro, com ensino médio em tempo integral e cursos profissionalizantes. “A cidade está sendo referência para estudantes na região por causa da diversidade de instituições de ensino superior que têm surgido, tanto públicas quanto privadas, além do crescimento econômico que vem apresentando, com a chegada de grandes empreendimentos, como foi o Mix Mateus e outros que estão por vir, e que demandarão pessoal qualificado”, explicou a parlamentar. A deputada progressista ressaltou o papel importante do Iema em outras regiões, agregando cursos profissionalizantes que viabilizam a inserção de jovens no mercado de trabalho após a conclusão do ensino médio, e a necessidade da abertura de novas vagas para alunos. “Vamos precisar de mão-de-obra qualificada diante do crescimento que temos percebido em Pinheiro. Além disso, precisamos abrir mais vagas para o ensino médio, porque temos identificado um crescimento de ingressantes neste nível escolar ao longo dos anos. Portanto, precisamos nos preparar, e com uma unidade plena do Iema, nossos estudantes terão, além de uma excelente estrutura, uma instituição de referência”, destacou Dra. Thaiza.

Thaiza Hortegal se mobiliza para viabilizar a instalação de uma unidade do Iema em Pinheiro A deputada Thaiza Hortegal busca viabilizar...