terça-feira, 21 de setembro de 2010

A POLITICAGEM ELEITOREIRA NO MARANHÃO, E A FALTA DE POLITICAS PÚBLICAS NOS 217 MUNICÍPIOS *

Será que os discursos demagógicos, infames e eleitoreiros, promovidos no processo eleitoral de 2010 por uma grande maioria dos candidatos ao governo estadual, a deputados estaduais e federais, e a senadores pelo Maranhão, depois de décadas de tanto sofrimento causado pela corrupção que continua desviando o dinheiro público que deveria a bastante tempo ter melhorado os vergonhosos índices de desenvolvimento dos maranhenses, será que esse tipo de discurso demagógico demonstrado por essa grande maioria de candidatos, de que agora vão trabalhar e trabalhar pelo interesse coletivo, na verdade e estrategicamente estão eles forçando com esta antiga pratica politiqueira, que os cidadãos, eleitores e contribuintes dos nossos 217 municípios, continuem se esquecendo de que as políticas públicas nessas cidades, não são tão necessárias, a exemplo da falta de tratamento do Esgoto; da falta de água com padrão de potabilidade; da falta de urbanização; da falta de titulação para os moradores da zona urbana e rural desses municípios; do transporte coletivo de qualidade; da falta de uma política preventiva que garanta uma Saúde Pública de qualidade; falta de capacitação profissional para milhares de jovens; falta de uma Educação de qualidade, e a falta de tantas outras políticas públicas, a exemplo da questão Social, Ambiental e Hídrica.

               Será que uma grande parcela do eleitorado maranhense, depois dos trabalhos comunitários promovidos há alguns anos em varias regiões deste estado, por inúmeros Movimentos Populares organizados, desenvolvendo o entendimento da conscientização política/cidadã,  responderá esse eleitorado de forma cidadã a esse tipo de discurso demagógico por parte de quem já foi governador deste estado, deputado estadual, deputado federal, e senador pelo Maranhão ?
               Será que as gravíssimas conseqüências geradas pela histórica falta da promoção de políticas públicas nos nossos 217 municípios, ainda continuarão servindo de trampolim eleitoreiro para os nossos representantes políticos, que na verdade e na sua grande maioria são sim representantes de seus próprios interesses econômicos, politiqueiros e eleitoreiros?
(movimento democrata livre de são Luis, e outros*, e-mail: frecom_tp@hotmail.com)     
   

Nenhum comentário:

Thaiza Hortegal se mobiliza para viabilizar a instalação de uma unidade do Iema em Pinheiro A deputada Thaiza Hortegal busca viabilizar uma unidade do Iema para o município de Pinheiro, com ensino médio em tempo integral e cursos profissionalizantes. “A cidade está sendo referência para estudantes na região por causa da diversidade de instituições de ensino superior que têm surgido, tanto públicas quanto privadas, além do crescimento econômico que vem apresentando, com a chegada de grandes empreendimentos, como foi o Mix Mateus e outros que estão por vir, e que demandarão pessoal qualificado”, explicou a parlamentar. A deputada progressista ressaltou o papel importante do Iema em outras regiões, agregando cursos profissionalizantes que viabilizam a inserção de jovens no mercado de trabalho após a conclusão do ensino médio, e a necessidade da abertura de novas vagas para alunos. “Vamos precisar de mão-de-obra qualificada diante do crescimento que temos percebido em Pinheiro. Além disso, precisamos abrir mais vagas para o ensino médio, porque temos identificado um crescimento de ingressantes neste nível escolar ao longo dos anos. Portanto, precisamos nos preparar, e com uma unidade plena do Iema, nossos estudantes terão, além de uma excelente estrutura, uma instituição de referência”, destacou Dra. Thaiza.

Thaiza Hortegal se mobiliza para viabilizar a instalação de uma unidade do Iema em Pinheiro A deputada Thaiza Hortegal busca viabilizar...